24
mai
10

Milton Nascimento – Milton (1970)

E estamos de volta ao Brasil, Seis anos depois do estouro da Beatlemania. Aqui as coisas estão muito bem, obrigado, e os anos de chumbo começam a reinar. É 1970, e o mundo ainda dá seus gritos de Paz & Amor. Mais, alguém vai começar a revolucionar, e aqui no Brasil, alguém vai fazer a diferença na MPB. Alguém vai se desligar um pouco das invasões culturais, para poder divulgar as suas.

Eu sou da América Do Sul, Eu sei, vocês não vão saber.
Um épico de 1970, que muita gente acha que é dos anos 80.

Milton Nascimento – Milton (1970)

1-Para Lennon & McCartney:
-A música começa seca, com voz, piano e um acompanhamento fudido de uma guitarra com Wah-Wah. ela tem um solo de órgão embutindo na música, e ela fica rápida, intensa, veloz e maravilhosa. Pena que é a segunda mais curta do disco. O wah-wah derruba com sua habilidade, sendo seguido por uma guitarra solada com um fuzz. Piano acompanha a base. Voz do Milton está maravilhosa. Ponto pros caras. De 0 a 10 ? 9,5

2-Amigo, Amiga:
-Uma música meio estranha, mais com sua beleza, mudanças de chaves de melodia diretas, sem percursão, exceto por um momento no alto dos três minutos, que acaba logo. Uma música boa para viajar, como se falasse da relação de Milton com o seu público, de uma forma geral. De 0 a 10 ? 7,5

3-Maria Três Filhos:
-A música mais curta do disco, com uma letra tipicamente mineira, falando de Minas, e de suas famílias “pequenas”. Uma percusão “fora do compasso” com o baixo, e só no alto de 30 segundos, a música toma um rumo certo, aonde você percebe que até o fora do compasso…Está no compasso. De 0 a 10 ? 8,5

4-Clube Da Esquina:
-Não tendo nada a ver com o disco de 72 e 78, começando com um solo e ele seguindo a voz de Milton com uma percussão básica, a música da origem ao movimento, e não a música que já foi regravada a uma dúzia de artistas, essa qual o nome é Clube Da Esquina II, e essa, a de 70, é muito bonita. Os solos valem muito a pena. De 0 a 10 ? 7,25

5-Canto Latino:
-Um órgão e um violão “desafinado”, dão a intro para uma música linda, cheia de linguagens regionais de Minas e coisas assim, falando de um Canto Latino(americano) e coisas assim, coisas brasileiras, e não tão americanizadas, tendo até seu ritmo daqui, e não dos States, saca ? Na altura de 01:45 minutos, a música se anima, como uma guaraña, ou um ritmo bem latino, bem…Raíces De La America, bem Tarancón, para depois retomar a massa do início da música. De 0 a 10 ? 8,15

6-Durango Kid:
-Uma música humilde, com flauta, violão e afins. Fala de um jeito latino para um herói gringo, forte, e humilde. Sem mais para dizer, essa música é muito boa, totalmente Clube Da Esquina. De 0 a 10 ? 8,0

7-Pai Grande:

-Outra com raízes mineiras, falando de escravatura e tals…Sobre um menino que sonha ter a força de seu povo. Um som bem enraízado de encontro com os sons de Minas, dizem até que o Som Imaginário tocava essa música com Milton na turnê do “Matança Do Porco”, de 73, eu acho. De 0 a 10 ? 7,0

8-Alunar:
-Um som modernista para uma ciranda de roda. Ela como todo o disco, tem um clima rápido, mais toma um peso depois de 01:10, e tem um solo fuzz meio que interrompido, sendo ouvido mais vezes. Infelizmente não entendi muito a letra, mais tem algo de regional nela, falando da lua de minas. Eu acho. De 0 a 10 ? 7,75

9-A Felicidade:
-A Felicidade, um antigo clássico da bossa-nova, ou alguma merda dessas, que Milton deixou bonita. Eu até gosto de ouvir na vida dele. Só voz e violão, um dui perfeito. De 0 a 10 ? 7,0

10-Tema De Tostão:
-Um berimbau com a voz de Milton dá início auma homenagem ao jogador da Copa De 70 no México, um instrumental latino (como o disco todo, aqui já desconfiando que Milton é comuna), som uma guitarra humilde, coro de voz de mulheres e Milton soltando agudos, violão transparente, órgão quase inaudível e coisas afim…Um prato cheio. De 0 a 10 ? 8,25

11-O Homem Da Sucursal:
-Uma música estranha, mais a letra é boa, impactante e severa. A melodia tenta até tomar um rumo pra ficar “de acordo” com a letra, mais parece que não há conjunção. Deve ser nessa falta de nexo dos anos 70, que muita gente não ouve mais bandas que usam esse efeito. De 0 a 10 ? 6,5

12-Aqui É O País Do Futebol:
-Uma intro de samba com um estádio lotado, começa essa faixa, sendo até um “samba-canção”, ou “samba de apartamento”, essa música tem sua beleza, resgatando o que ficou pra trás com a bossa-nova. De 0 a 10 ? 7,0

13-O Jogo:
-Com bateria e órgão começamos essa música, e ouvimos Milton cantando com acompanhamento, dizem uns, dos Novos Baianos (O que eu dúvido), mais essa música, tem uma psicodelia bem interessante, misturada com a bossa que Milton tentou salvar, narrando um jogo de futebol. E fez bem feito nessa música. Ponto pro mineiro. De 0 a 10 ? 8,0

E com essa fé, nos vemos ao próximo disco !

About these ads

1 Response to “Milton Nascimento – Milton (1970)”


  1. 1 Hilario
    agosto 14, 2012 às 10:25 PM

    Olá, parabéns pelo blog. Algumas considerações, seria legal destacar que algumas musicas vieram como Bonus Track, no CD, no bolachão original ficam de fora.
    Alguns erros de português: em toda as palavras “mais” vc quis dizer mas.
    Mas no geral tá bem bacana.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Alfarrábios

maio 2010
S T Q Q S S D
    jun »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Assine nossas News !

Junte-se a 2 outros seguidores

Archivos !

Os 5 Mais.


Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: